Inquérito: Balanço dos cem dias de magistratura do Presidente da República.

Que balanço faz dos 100 dias de magistratura do Presidente Umaro Sissoco Embaló?

O General Umaro Sissoco Embaló soma já quatro meses como Presidente da República da Guiné-Bissau, cargo para o qual foi investido a 27 de fevereiro do ano em curso. A propósito, o “Nô Pintcha” saiu à rua para auscultar os cidadãos sobre o desempenho do Chefe de Estado neste lapso de tempo.    

Segunda Rumal – cidadã comum

Quatro meses de mandato são insuficientes para avaliar uma pessoa, sobretudo quando se trata do exercício de um Presidente da República que ainda tem mais cinco anos para governar. Por outro lado, o momento não é propício para avaliar o seu desempenho, porque todos estamos de mãos atadas face à pandemia do novo coronavírus.

Nesta perspetiva, acho que qualquer avaliação e conclusão a que chegarmos sobre se foi boa ou má governação seria apenas um ato precipitado, sobretudo quando o mandato está sendo perturbado pela pandemia que deixa todo o mundo preocupado e paralisado.

Mesmo assim, ainda acho que o Presidente da República está a dar sinais positivos de querer governar bem. Temos um pouco de estabilidade e o Governo, apesar de tudo, está a pagar salários. Aguardamos ainda o regresso dos nossos filhos à escola e que as coisas voltem a funcionar normalmente.

Penso que ele sabe o que deve fazer e conhece bem os riscos que corre caso vier a frustrar as nossas expetativas. Ele é guineense e deve saber o que pensamos e queremos para o país. Desejo-lhe saúde, boa sorte e muita felicidade.

Carolino Justino Pereira – cidadão comum

Acho que não há muita coisa a avaliar perante o estado de emergência devido ao novo coronavírus que deixou tudo parado. Porém, todos estamos a ver o esforço desenvolvido pelo Presidente para a estabilização do país.

Em 100 dias de mandato assistimos a sinais de luz verde ao fundo do túnel, o progresso e o sucesso alcançados em apenas quatro meses. Eu acredito e por isso dou nota positiva ao que se tem passado neste período inicial do mandato do Presidente da República.

A propósito, quero aproveitar esta oportunidade para pedir ao Presidente da República e ao Governo que, assim que a situação voltar à normalidade, que tenham em conta o funcionamento normal das escolas, a criação de infraestruturas e emprego jovem.

Tenho uma particular esperança nesta governação e acredito que vai haver paz, estabilidade e desenvolvimento do país, uma vez que o Presidente mostrou-se sempre determinado em lutar para combater a corrupção. Se assim não for, a situação da Guiné-Bissau irá continuar na mesma.

Abduramae Djaló – comerciante

Para mim, os 100 dias de mandato foram positivos, mas a minha preocupação tem a ver com a interferência da comunidade internacional nos problemas internos do país. Acho que nenhum cidadão aceitaria o envolvimento de um outro país nos assuntos internos do nosso país.

Além desta situação, parece que tudo está a correr bem. Aliás, estamos em tempo de paz, apenas perturbados pela Covid-19. O país está a regressar de forma progressiva à normalidade, as aulas vão ter início na próxima semana e o programa do Governo foi aprovado, tudo isso são sinais de boa governação.

No âmbito desta governação, quero que o país venha ter boas estradas, hospitais, escolas e emprego ao longo destes cinco anos.

Que este mandato do Presidente Umaro Sissoco Embaló venha a ser diferente dos seus antecessores, em que assistimos à dissolução e nomeação constante de governos, instabilidade institucional e bloqueio do parlamento.

Texto e foto: Nelinho N´Tanhá

About The Author

Deixe um comentário