CAF não valida obras de requalificação do estádio 24 de Setembro

A Confederação Africana de Futebol (CAF) reprovou às obras de requalificação do Estádio Nacional 24 de Setembro, particularmente o terreno de jogo, ordenando a substituição completa do relvado.
Em consequência dessa decisão, a CAF pediu à Federação de Futebol da Guiné-Bissau para indicar, o mais tardar até amanhã, dia 23, país e estádio onde possa receber o seu próximo jogo, frente ao Sudão do Norte, que deveria ter lugar em Bissau.
A CAF reconheceu os esforços das autoridades desportivas nacionais para melhorar o estádio, mas deixou claro que ainda o campo precisa de reformas que se enquadram dentro das exigências da entidade máxima do futebol africano.
A equipa de inspeção da CAF, enviada para avaliar tecnicamente as obras de requalificação do estádio, revela que o retângulo do jogo ainda apresenta muitos problemas. Por isso, recomendou à administração do estádio a necessidade de contratar uma empresa especializada nessa matéria para ajudar na instalação de um novo relvado e na sua posterior manutenção periódica.
De recordar que, tanto a Guiné-Bissau quanto os seus próximos adversários para a quinta e sexta jornadas (Sudão do Norte e Guiné-Conacri), respetivamente, só vão cumprir o calendário, tendo em conta que já não têm hipótese de qualificar-se, isto porque, em cada grupo só uma seleção pode passar e essa passagem foi assegurada pelos Marrocos.

Aliu Baldé

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *